Biografia

Ele foi o último de uma sucessão de três grandes mestres indianos (Mahavatar Babaji, Lahiri Mahasaya e Swami Sri Yukteswar), tendo a missão de trazer para o ocidente a redentora mensagem e técnica de kriya yoga através da Self-Realization Fellowship - SRF.

Excepcional autodidata, explica com clareza em seu livro, Autobiografia de Um Iogue, as leis sutis, mas definidas, pelas quais os verdadeiros iogues realizam milagres e atingem o autodomínio.

Paramahansa Yogananda nasceu em 5 de janeiro de 1893, com o nome de Mukunda Lal Gosh, no norte da Índia, na cidade de Gorakhpur, nos contrafortes das montanhas do Himalaia.

Desde os primeiros anos, ficou evidente que sua vida estava marcada por uma destinação divina. Segundo os que lhe eram mais íntimos, mesmo em criança, a profundeza da sua percepção e experiência do mundo espiritual estava muito além do comum. Na juventude, ele procurou muitos sábios e santos da Índia, esperando encontrar um mestre iluminado que o guiasse em sua busca espiritual.

Paramahansa Yogananda dedicou sua vida a ajudar pessoas de todas as raças e credos a realizarem e expressarem com maior plenitude a beleza, nobreza e verdadeira divindade do espírito humano.

Depois de sua formatura pela Universidade de Calcutá em 1915, Sri Yogananda fez os votos formais como monge da venerada Ordem Monástica dos Swamis, da Índia. Dois anos depois, ele iniciou importantíssima obra, fundando uma escola "como viver", que desde então cresceu, transformando-se numa instituição composta de vinte e um estabelecimentos educacionais espalhados pela Índia, onde as tradicionais matérias acadêmicas são oferecidas juntamente com o treinamento em yoga e instruções sobre ideais espirituais.

Em 1920, ele foi convidado a representar a Índia no Congresso Internacional dos Liberais Religiosos, realizado em Boston. Sua conferência nesse Congresso e subsequentes palestras na Costa Leste dos Estados Unidos foram entusiasticamente acolhidas, e em 1924 ele partiu para uma turnê de conferências através do continente.

Durante as três décadas seguintes, Paramahansa Yogananda contribuiu de maneira profunda no sentido de criar no Ocidente uma percepção e apreciação mais agudas da sabedoria espiritual do Oriente. Em Los Angeles ele estabeleceu a Sede Internacional da Self-Realization Fellowship, uma instituição não sectária fundada por ele em 1920.

Através de suas obras escritas, das palestras e seminários realizados em suas longas viagens, e da criação de centros de meditação e templos da Self-Realization Fellowship, ele apresentou a milhares de buscadores da verdade a antiga ciência e filosofia da yoga, com os seus métodos de meditação universalmente aplicáveis.

Num artigo sobre a vida e obra de Sri Yogananda, o Dr.Quincy Howe Jr, professor de Línguas Antigas no Scripps College escreveu: "Paramahansa Yogananda trouxe ao Ocidente não apenas a perene promessa da realização de Deus, mas também um método prático por meio do qual os buscadores espirituais de todos os níveis sociais podem progredir rapidamente em direção àquela meta. Originalmente apreciada no Ocidente apenas em níveis elevados e abstratos, a herança espiritual da Índia é agora acessível como prática e experiência a todos que aspiram conhecer a Deus, não no além, mas aqui e agora... Yogananda colocou os métodos supremos de contemplação ao alcance de todas as pessoas."

A ordem Self-Realization Fellowship (SRF) foi criada em 1920 nos Estados Unidos pelo próprio Yogananda. Sua ramificação oriental é a Yogoda Satsanga Society - YSS estabelecida em Dakshineswar, Bengala Ocidental (Índia).

Hoje, o trabalho espiritual e humanitário iniciado por Paramahansa Yogananda continua sob a direção de Sri Mrinalini Mata. Além de publicar suas aulas, trabalhos escritos e palestras informais, a sociedade supervisiona cerca de 500 centros distribuídos por 43 países. No Brasil há centros e grupos de meditação em São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, e círculos de meditação em várias cidades do interior.

Os ensinamentos de Self-Realization Fellowship compreendem os mais altos preceitos morais em coerência com o "viver com simplicidade" e o "pensar com elevação"; e certas técnicas simples de meditação, cuja prática diária, conjugada ao sincero anseio devocional por Deus, conduzem à experiência pessoal e direta com Ele.

A SRF convida todos os pesquisadores da verdade a estudarem seus ensinamentos fundamentais e suas técnicas de meditação. Ao término da série de lições, os estudantes que preencherem determinadas qualificações poderão também receber iniciação em Kriya Yoga, a mais universal e antiga ciência de comunhão com Deus.

Se você sentir atração pelos objetivos e ideais de Self-Realization Fellowship, talvez queira se tornar um estudioso dos ensinamentos de Paramahansa Yogananda. As lições podem ser adquiridas em inglês, espanhol e alemão. Se você não lê nestes idiomas, pode inscrever-se para obter a "Lição Sumária de Meditação", especialmente escrita em português. Ela contém instruções de Paramahansaji sobre os fundamentos de meditação iogue. Inclui-se nesta Lição uma técnica sagrada que é uma das maiores contribuições da ciência espiritual da Índia ao mundo; esta técnica é parte integral da senda de Kriya Yoga. A técnica ensinada na lição sumária é uma método simples e prático através do qual quem medita pode transcender sua consciência do mundo material e perceber-se a si mesmo como Espírito imortal. O objetivo desta técnica é o mesmo da própria técnica de Kriya: produzir o divino êxtase da comunhão com Deus. Atualmente estão disponíveis mais duas traduções, a "Técnica de Om" e os "Exercícios de Energização".

Ao receber a Lição Sumária de Meditação, você se torna um estudante de Self-Realization Fellowship. Tão logo complete os estudos das lições até determinado ponto, estará apto a receber a sagrada técnica de Kriya Yoga. A iniciação é feita por ocasião da visita dos monásticos ao Brasil.

Se após a leitura da "Autobiografia de Um Iogue" você se sentir estimulado a tornar-se um estudante, solicite sua inscrição à SRF por meio de formulário próprio. (ver KRIYA)